Com apenas 25 anos Ronda foi contratada pela maior organização do mundo, o UFC, onde defenderá o seu cinturão da categoria galo feminino contra a lutadora Liz Carmouche, no dia 23 de fevereiro.

Ronda começou a praticar judo ainda criança e essa paixão a levou aos jogos Pan Americanos na categoria até 70 kg onde conquistou a medalha de ouro, logo após no Mundial de 2007 conquistou a medalha de prata e nas Olimpíadas de 2008, faturou o bronze.

Iniciou sua carreira no MMA em um evento amador em agosto de 2010 onde obteve a vitória contra Hayden Munoz, Ronda ainda fez mais algumas lutas nesse evento antes de virar lutadora profissional.

Em 2011, assinou com o King of the Cage onde enfrentou a lutadora brasileira Ediene Gomes vencendo a brasileira com um arm-lock. Em sua segunda luta profissional contra Charmaine Tweet obteve o mesmo resultado, arm-lock no primeiro round.

Ronda Rousey contratada pelo Strikeforce em agosto de 2011, onde obteve mais duas vitórias por arm- lock, o que a credenciou para a disputa de cinturão contra a lutadora e até então campeã da categoria Miesha Tate.

Com provocações mútuas esse combate gerou muito marketing, atraindo um grande público para o evento principal da noite, Ronda Rousey mais uma vez mostrou que tem um chão afiado finalizando Miesha com um incrível arm- lock, ainda no primeiro round e se tornou a mais nova campeã Peso Galo da organização.

Após defender seu cinturão contra a lutadora Sarah Kaufman também por arm- lock, se tornou a primeira atleta a conseguir uma marca impressionante de 6 finalizações por arm- lock consecutivos, sendo todas elas no primeiro round.

Ronda foi eleita a lutadora feminina do ano de 2011, feminina peso galo do ano e revelação feminina de 2011.

O presidente do UFC, Dana White contratou Ronda Rousey em dezembro de 2012 e a entregou o cinturão da categoria  peso galo feminino, a lutadora defenderá seu titulo contra a lutadora Liz Carmouche no UFC on Fox: Henderson vs Machida.

Ronda Rousey é um fenônemo feminino entre lutadores e o público, ela terá pela frente alguns bons desafios, porém pela vontade de seus fãs, um combate futuro entre Ronda vs Cyborg ainda é desejo, eles terão que esperar um pouco já que atleta brasileira (Cyborg) assinou recentemente com o Invicta Fight. Em se tratando de Dana White e o UFC tudo pode acontecer em um futuro próximo.

Foto: Ronda Rousey (L) (Esther Lin/MMA Fighting)

About The Author

Aline Bak
Staff Writer, Brazil

A native of São Paulo, Brazil, Aline began watching MMA with her father during the heyday of Pride in the early 2000's. Her passion for the sport soon turned to the UFC not long after. After attending UFC 134 in Rio de Janeiro and UFC 146 in Las Vegas, Aline was asked to recount her experience for Tatame—one of Brazil's biggest media outlets—and thus began her writing career. In addition to her work for The MMA Corner, she maintains her own site about MMA.