Com a vitória do Time Silva no último episódio do TUF Brasil 3, Wanderlei  teve o direito de escolher o duelo entre os pesos médios do programa. A sua opção foi Ricardo Abreu “Demente” de seu time contra  Guilherme Vasconcelos “Bomba” do time Sonnen.

Hortência e Isabel apresentaram o desafio do programa, que era a construção de uma balsa. A equipe que vencesse ganharia um jantar de gala e quem perdesse teria que fazer a comida e servir o time vencedor. As equipes montaram sua estratégia para a segunda etapa da prova da balsa. Entraram na água e mais uma vez a equipe de Wand venceu o desafio.

O time Sonnen serviu o jantar para a equipe adversária e a noite terminou em brincadeira entre os participantes da edição.

A pesagem entre Demente e Bomba ocorreu tranquilamente, ambos bateram o peso.

A musa do programa foi a modelo Ana Cecilia de 23 anos.

Luta de Médios: Ricardo “Demente” Abreu (Time Wanderlei) contra  Guilherme “Bomba” Vasconcelos (Time Sonnen)

O primeiro round começou com Bomba aplicando  alguns golpes mas logo Demente reagiu com fortes socos no contra- golpe. O participante do time Silva quedou Bomba e por cima começou a trabalhar no ground and pound. A luta voltou para a trocação ambos desferindo socos. Bomba no double leg quedou Demente. Ao ficarem mais uma vez de pé foi a vez do participante do time de Wanderlei aplicar mais uma queda em Bomba e alguns socos. Demente dominou o primeiro round.

O segundo round começou novamente com uma intensa trocação e  chutes dados por Demente que rapidamente aplicou a queda em Bomba. Os lutadores demonstraram um pouco mais de cansaço devido a alta movimentação nos dois rounds. Demente quedou novamente Bomba. A Luta foi movimentada e terminou com Demente por cima aplicando fortes socos. Por decisão unânime dos juízes Ricardo Demente venceu o combate.

Ricardo Abreu def. Guillerme Vasconcelos  por decisão unânime

“Foi uma luta de alto nível com os dois podendo levar o combate a qualquer hora,” disse Sonnen.

“O Ricardo mostrou muito preparo e coração,” comemorou Wanderlei Silva.

Muito emocionado, Ricardo dedicou a vitória ao seu filho que fez aniversário.

“Está 3×0  para o meu time vou dar uma surra em Sonnen como treinador e como lutador, ele vai ter que operar o nariz depois de nossa luta,” provocou Wanderlei Silva.

About The Author

Aline Bak
Staff Writer, Brazil

A native of São Paulo, Brazil, Aline began watching MMA with her father during the heyday of Pride in the early 2000's. Her passion for the sport soon turned to the UFC not long after. After attending UFC 134 in Rio de Janeiro and UFC 146 in Las Vegas, Aline was asked to recount her experience for Tatame—one of Brazil's biggest media outlets—and thus began her writing career. In addition to her work for The MMA Corner, she maintains her own site about MMA.